Facebook, Twitter, Linkedin, Pinterest, Foursquare, Youtube: ao começar a pensar suas ações de marketing no ambiente digital, estas foram as primeiras redes sociais online que vieram a sua cabeça. Estou certo?  Hoje, estes canais de comunição são tão populares que é difícil imaginar uma estratégia que não englobe uma ou mais interações nestas redes sociais online.

De fato, estes canais ganham cada vez mais importância para o mercado imobiliário e passam a ser usados com maior frequência. Mas pergunto: quando escolhe uma rede para interagir com os seus clientes, você faz isso de forma consciente ou tem apenas seguido aquilo que o mercado dita como uma tendência?

corretor-imoveis-redes-sociais-estrategia-relacionamentoA sua resposta está diretamente relacionada aos resultados que você obterá ao final da ação. Em nosso post de hoje não vou dar dicas de como utilizar adequadamente as redes sociais online, mas quero chamar atenção sobre a necessidade de estar neste ambiente de forma planejada e, sobretudo, provocar uma reflexão sobre algumas concepções que vêm sendo disseminadas, mas que na prática não condizem com a teoria.

Uma dessas concepções é a de que o marketing nas redes sociais é a solução de todos os seus problemas. Errado! Esta é uma estratégia que vem potencializar o seu relacionamento com o cliente e a mesma deve vir acompanhada da qualificação profissional, do conhecimento de mercado e do perfil do seu cliente e o investimento em diferentes formas de comunicação.

Neste sentido, é importante destacar que muitos profissionais pensam que o marketing é responsável pela venda de imóvel. Esta é uma ideia equivocada. Diferentes autores defendem que o marketing tem a finalidade de criar valor e satisfação para o cliente na gestão dos relacionamentos ou ainda, de ser uma ferramenta que potencializa a criação de oportunidades de negócios.

Ele está muito mais relacionado à ideia de satisfação do que à de venda propriamente dita. Por meio de pesquisas e uma série de outras ferramentas, o marketing identifica a necessidade e cria a oportunidade, colaborando assim para a comercialização de um imóvel, por exemplo.

Desse modo, podemos concluir que não basta apenas ter um perfil nas redes sociais. É preciso planejar esta presença. Antes de pensar nos canais mais populares, é preciso que se tenha em mente quem é o seu público, que objetivos deseja alcançar, para finalmente definir qual canal de relacionamento irá gerar a resultado mais eficiente com seus clientes e, principalmente, quais estratégias utilizar.

E quando falo em estratégia, é interessante notar que a presença nas redes sociais online pressupõe que você tenha algo relevante a comunicar. Não é escaneando um panfleto que é distribuído na rua e o postando no seu perfil/fanpage no Facebook ou criando um álbum de fotos sem nenhuma descrição dos benefícios do seu imóvel que irá criar um relacionamento bem sucedido.

As redes sociais online são canais de alto potencial de audiência e que devem ser tratados como importantes espaços para o compartilhamento de informação. Porém, muitos profissionais confundem estas redes com canais de venda.

Todavia, antes de vendermos, devemos nos preocupar em conquistar a confiança do cliente, confiança essa que está diretamente ligada aos relacionamentos que estabelecemos por meio de uma presença ativa, verdadeira e relevante.

Os seus clientes buscam por conteúdos que agreguem valor ao seu processo de pesquisa de imóvel. E esta busca não se dá apenas nas redes sociais online e é por isso que eu digo que o marketing isoladamente não é a solução dos seus problemas.

Hoje, é cada vez mais vital compreender que as estratégias devem ser planejadas sob a perspectiva de uma comunicação integrada, na qual as ações de uma mídia ecoam sobre outras, seja no ambiente online ou offline.

Para exemplificar esta integração, podemos citar o nosso blog. Além dos artigos escritos, também contamos com a interação por meio de vídeos com o nosso Intelicast  e por meio de áudio com nossos Podcasts. E mais, a nossa atuação está inteiramente ligada à fanpage do blog no Facebook e aos meus perfis no Linkedin, Pinterest e Twitter.

E ainda, estas ações não se limitam ao mundo online. Graças à relevância que estes canais têm alcançado para o mercado imobiliário, frequentemente sou convidado para dar entrevista em jornais e revistas, fazendo assim uma conexão cada vez mais forte entre os ambientes online e offline.

E aqui, quero provocá-lo à desconstrução de outra concepção que julgo ser um fator limitador da ampliação da utilização da comunicação integrada no setor imobiliário. Ao pensar em marketing no ambiente online, muitas vezes incorremos em erro de concebê-lo apenas como marketing digital.

Vejo o marketing digital apenas como uma forma didática de trabalhar uma densidade de possibilidades do marketing. Desse modo, o erro ao que me refiro neste caso é pensar que falar em marketing digital é basicamente falar do mundo online, quando na realidade é pensar no on e offline.

Nesse sentido, é necessário entender também que a imagem construída no ambiente digital deve estar vinculada à imagem real do corretor de imóveis ou de uma empresa do setor. Qualquer desvio de informação pode criar uma ruptura de confiança e, consequentemente, no relacionamento com o cliente.

Além disso, é necessário ser multimídia, sabendo alinhar estrategicamente os recursos de texto, imagem, vídeo e áudio de forma a construir um relacionamento mais consciente e efetivo.

Você já havia pensado nisso?
Compartilhe conosco como tem sido a sua experiência com as redes sociais online.

Esse conteúdo é publicado sob a licença Attribution-Noncommercial-No Derivative Works 3.0 Unported.

12 comments
  1. Guilherme suas postagens são excelentes, na área imobiliária e voltado ao corretor de imóveis,é um dos 2 melhores blogs na minha opinião ,estudo o mercado imobiliário há 10 anos,e atuando como investidor aprendi um pouco a respeito,resolvi fazer as provas para tirar a licença do CRECI e saber o que só os corretores sabem…rsrs. Fiz um blog está manhã onde pretendo escrever pelo menos uma vez por semana, se tiver tempo de uma olhada e me diga o que acha.Um forte abraço!!

    1. Olá Sandro,

      Obrigado por seu importante feedback e por confiar em nosso trabalho.
      Terei o maior prazer em acompanhar também o seu blog e compartilhar novas experiências. Me informe qual o endereço para o seu blog e me sentirei muito honrado em poder contribuir com a minha opinião.

      Juntos somos fortes!!!

    1. Olá Sandro,

      Achei seu blog bastante interessante, com assuntos que realmente fazem parte do dia a dia do corretor. Acredito que toda iniciativa que contribua para um mercado mais atualizado e informado seja de fundamental relevância.

      Parabéns pela iniciativa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.


cinco × 1 =

Related Posts