Como tirar o melhor proveito dos portais imobiliários? Como cadastrar o imóvel num portal imobiliário? Qual a melhor forma de descrevê-lo, de tirar fotos, e tudo mais? Confira neste artigo de Israel Degasperi. Esse conteúdo é publicado sob a licença Attribution-Noncommercial-No Derivative Works 3.0 Unported.

Olá, tudo bem? Até agora, os meus posts eram focados especialmente para você, corretor de imóveis, se favorecer das mídias sociais e dos blogs para melhorar seus resultados pessoais. Mas uma das minhas tarefas quando eu trabalhava com SEO e marketing de conteúdo num dos maiores portais imobiliários do país era responder para as imobiliárias, porque seus produtos apareciam atrás de outras imobiliárias.

Na época eu viva me perguntando, como fazer para ensinar os corretores a fazerem um bom trabalho na hora de cadastrar seus imóveis no site da imobiliária e como isso era importante para indexar bem, tanto nos mecanismos de buscas quanto no portal.

Agora eu tenho essa resposta. Fazendo um post aqui no espaço que o Guilherme Machado me deu, o post de hoje vai te dar dicas, para você melhorar o posicionamento da sua imobiliária dentro de portais e isso também vai te ajudar a ser encontrado no Google.

Cadastro de Produto no site da sua imobiliária

A primeira coisa a se fazer para se destacar no resultado de busca dentro de um portal é ter dedicação na hora do cadastro de um produto no site da sua imobiliária.

1) Endereço e Local

Preste muita atenção a essa informação. Cadastre o nome da rua, do bairro e da cidade corretamente. Você fazendo isso você está permitindo o imóvel ser encontrado pelo Google Maps dentro da página do produto e também no resultado de busca local no Google. Outro fator que você precisa estar atento são as zonas de valores. Muitas vezes é mais interessante cadastrar um imóvel com o nome de um bairro que é uma região melhor do que outra não é mesmo? Minha sugestão é cadastrar o imóvel com o endereço correto e na descrição falar da zona de valor que é mais interessante. Num tópico pra frente vou dar dicas mais específicas de como deve ser s descrição de um imóvel. Mas cuidado, seja transparente e não aja de má fé. Por pior que seja a região onde o imóvel esteja localizado, nada é pior do que você perder a confiança do seu cliente nas informações cadastradas em seu site. Se a política da sua imobiliária não permitir colocar o número exato do imóvel, foque sempre no bairro e depois na rua.

2) Fotos

Áreas comuns do imóvel: piscinaTenho certeza que você está ciente da importância de usar fotos de qualidade em seu site. Dedique-se primeiro em bater as melhores fotos do imóvel, e depois disso, preocupe-se em ser objetivo. Por padrão a maioria dos portais disponibiliza um preview de 6 fotos iniciais. Tente colocar a foto mais importante de cada cômodo nessas 6 primeiras imagens do seu site. Vou citar um exemplo prático: Imóvel de 2 quartos, sendo uma suite e área útil com 65m² com varanda e cozinha integrada a sala. Uma foto vai ser da suite, outra do segundo quarto, o banheiro social, cozinha e sala e depois a varanda. Se o imóvel tiver 4 quartos, comece com a melhor foto de cada quarto e depois siga a ordem de importância.

Depois você pode colocar a foto de um outro detalhe que acha importante destacar no apartamento e depois você parte para as áreas comuns do condomínio: Churrasqueira, Piscina, Playground e assim por diante. Procure usar a melhor foto de cada ambiente primeiro e capriche na foto de destaque. Você como corretor acredito que seja a pessoa que mais entende dos benefícios de cada imóvel. Deixe isso claro nas fotos. Tome cuidado para não errar na quantidade e pecar pela qualidade das fotos. Cadastrar uma foto com o logo da imobiliária apenas para liberar o sistema que você cadastra seus produtos no site é inadmissível.

3) Descrição e informação dos imóveis

Aqui é a parte mais importante. A descrição do imóvel precisa ser muito completa. Você deve citar as principais características do imóvel e do bairro em que ele está localizado. Acho importante falar das principais avenidas que estão perto do imóvel, o acesso ao transporte público, se possui parques, escolas, academia, etc… Tome o cuidado de repetir a quantidade de quartos, banheiro, se possui suíte, portaria 24 horas ou até mesmo a metragem do imóvel.

Uma dica de ouro para você ter acesso a essa informação é usar o Google Maps e navegar ao redor do imóvel pelo mapa gerado. Você consegue ver academias, escolas e diversos estabelecimentos para enriquecer a descrição do imóvel. Outra dica é fazer uma busca no Google pelo bairro ou pela zona de valor para ver se acha algum blog ou site com informações sobre o local. Evite cadastrar o nome de condomínios no endereço do imóvel. Esta é uma questão muito importante. Às vezes o imóvel está localizado num condomínio gigante onde todo mundo na cidade conhece apenas o condomínio e as vezes nem sabe em qual bairro ele está localizado. Cadastre o endereço correto do condomínio e na descrição coloque o nome do condomínio e alguns pontos de referência. Uma visita ao site da incorporadora também te ajuda a ter informações sobre as opções de lazer que o empreendimento dispõe. Acredite, estas informações vão fazer a diferença de um corretor qualquer para um corretor quebre as regras!

Integrando os imóveis do site da sua imobiliária no portal

1) Software de Importação

Toda imobiliária possui um programa para atualizar automaticamente os imóveis do site da imobiliária no portal. Isso permite que quando o site da imobiliária é atualizado o portal puxe as informações e seja sempre atualizado. Pense em como seria inviável fazer esta integração de forma manual. Aqui a coisa fica um pouco mais técnica, mas é importante você saber quais as informações o programa que a sua imobiliária está usando e quais informações que estão cadastradas no seu site este programa está levando para o portal. Isto é feito através de um arquivo .xml que muitas vezes não puxa todas as informações do imóvel e as vezes um tópico importante como o bairro ou a zona de valor não estão neste arquivo. Outro cuidado é ver qual a quantidade de caracteres que esse campo de descrição possui. Para você colocar todos os detalhes e o máximo de informação possível, 250 ou 500 caracteres não são o suficiente e as vezes cortam o conteúdo da descrição pela metade.

Todos estes fatores definem dentro de um portal a ordem em que os imóveis vão estar localizado. Você entendendo isso pode se diferenciar e preencher corretamente todas estas informações. E quando você digitar dentro de um portal ou no Google, “imoveis na vila pururuquinha” ou buscar por “condomínio xpto” e essa informação estiver na sua descrição, será encontrado.

Isso tudo, somado com os esforços que um portal faz em divulgar seus produtos nas redes sociais, com investimento em mídia no Facebook e no Google, com certeza te trarão muitos leads.

O que acontece hoje é que muitos corretores apenas colocam na descrição: Excelente oportunidade! Fale com o corretor. Ótima localização. Perto de tudo. E as pessoas não costumam usar essas palavras na hora de buscar um imóvel.

Elas são muito mais específicas, concorda? Espero que este post tenha lhe ajudado 🙂

Esse conteúdo é publicado sob a licença Attribution-Noncommercial-No Derivative Works 3.0 Unported.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.


quatro − = 2

Related Posts