O mercado imobiliário em Vitória e região

mercado-imobiliario-vitoria-espirito-santo

Mercado de Imóveis em Vitória e região
O mercado imobiliário no estado do Espírito Santo é representado por quatro importantes cidades: Vitória, Vila Velha, Serra e Cariacica, que juntas concluíram o ano de 2013 com VGV de 1,6 bilhões; marca conquistada através da comercialização de 53 lançamentos que se dividem em 92 torres e 5.705 unidades.

Um dos fatores que contribuiu para que o montante arrecadado pelo aglomerado de municípios chegasse a essa margem foi a construção de empreendimentos em bairros nobres, como a Praia do Canto, em Vitória, que possui o m² calculado no valor de R$ 9.420,00, praticamente o dobro do preço médio regional, que é de R$ 4.470,00 atribuído aos imóveis residenciais no conjunto de cidades.

O perfil das construções edificadas na região é predominantemente residencial, este tipo de imóvel representa 81% das negociações realizadas em 2013, as unidades comerciais equivaleram a 15% e as vendas de hotéis encenam 4% de participação.

Dados do mercado imobiliário de Vitória
O município de Vila Velha é a praça do Espírito Santo onde mais aconteceram lançamentos. O número de empreendimentos, torres e unidades é superior ao das demais cidades, mas apesar do volume maior de construções, Vitória ainda é responsável pelo maior lucro na venda de imóveis. Isso acontece porque, não apenas em bairros nobres, mas nas demais localizações, o valor do m² da capital é maior.

Entre os apartamentos lançados na região, 74% possuem 2 dormitórios, enquanto 17% representam imóveis com 3 dormitórios, 8% são residências com 4 ou mais quartos e 1% são apartamentos compactos.

Estatísticas e números do mercado de imóveis em Vitória
Ao segmentar a região por bairros, é possível perceber bairros mais valorizados, com o m² com custo variável de R$ 8.000,00 à R$ 11.700,00, em Vitória consistem na região do Jardim Camburi, Mata da Praia e Santa Helena; em Vila Velha as regiões são Praia de Itapoã, Centro, Novo México e Praia da Costa; em Cariacica os imóveis com preços mais elevados se concentram no bairro Itanguá. Já na região da Serra, todos os empreendimentos lançados em 2013 possuíam o valor variável de R$ 2.200,00 à R$ 3.999,00.

De 2012 a 2013 é possível perceber o desenvolvimento nas quatro cidades utilizadas como objeto de estudo pela Lopes, destaque para o município de Cariacica, que avançou de 1 lançamento em 2012 para 5 novos empreendimentos no ano seguinte, sendo um dos maiores avanços do ano no Espírito Santo e revelando uma tendência para o futuro do mercado imobiliário no estado.

SOBRE O AUTOR

Redação GuilhermeMachado.com Equipe de conteúdo do blog GuilhermeMachado.com. Especializada em levar até você as principais notícias do mercado imobiliário. Aproveite!

Deixe seu comentário!