Relacionamento, sem dúvidas, é a palavra-chave quando falamos em mídias sociais. No mercado imobiliário não poderia ser diferente, você concorda? Porém, antes de entrarmos propriamente no tema da nossa conversa de hoje, quero falar sobre dois conceitos importantes que às vezes geram confusão: redes sociais e mídias sociais. Você conhece as diferenças entre eles?

As redes sociais são os nossos relacionamentos sociais. Por exemplo, a família, um grupo de amigos ou colegas de trabalho são as redes sociais que o ser humano tem. Já as mídias sociais como afirma Raquel Recuero são “as ferramentas de comunicação que permitem a emergência das redes sociais” no ambiente online, por exemplo, Facebook e Twitter.

Antigamente, de acordo com o autor Conrado Adolpho “a internet interligava computadores e hoje, cada vez mais, está interligando pessoas”. E o fundamental nesse cenário é entendermos como vamos nos relacionar com os nossos clientes e termos um posicionamento estratégico perante o mercado.

Costumo associar essa prática a um casamento. As pessoas não se conhecem e logo se casam. Há na verdade um processo: primeiro o casal se conhece, depois namoram, ficam noivos para finalmente casar. Quando se chega a esse ponto é porque foi construído um relacionamento, há confiança, respeito e sintonia.

O cenário acima ilustra exatamente como devemos trabalhar no mercado imobiliário, concorda? Quero compartilhar com vocês o relacionamento que estamos “experimentando” de forma estratégica nas mídias sociais com a imobiliária Francisco Rocha Imóveis, na qual sou Diretor Executivo.

Atualmente, a Francisco Rocha Imóveis conta com perfis no Twitter, Foursquare e Formspring, além da página fã no Facebook, página Company e grupo respectivamente no Linkedin. A utilização dessas mídias sociais vai muito além do objetivo da venda de um imóvel. A estratégia consiste no estabelecimento de um relacionamento entre a empresa e os seus clientes, parceiros e pessoas que admiram o seu trabalho.

Nossa intenção é que as pessoas que visitam as nossas páginas tenham uma referência do mercado imobiliário, independente desse internauta fechar ou não um negócio com a empresa. Por isso, nós postamos na fan page da imobiliária no Facebook, por exemplo, dicas de imóveis, sugestões de decoração, notícias sobre sustentabilidade e meio ambiente, dicas de planejamento financeiro e pessoal.

Em um segundo momento passamos a divulgar também as ofertas e lançamentos dos empreendimentos comercializados pela imobiliária. Vamos alternando esses tipos de informações para que a página não se transforme em um tipo de classificados, pois não é esse o objetivo.

O pensamento é o mesmo para o Twitter, ou seja, gerar conteúdos que permitam uma maior aproximação e identificação com os nossos seguidores. Pesquisas comprovam que antes de comprar ou alugar um imóvel as pessoas costumam acessar a internet para buscar informações e a opinião de outros consumidores antes de tomar a decisão.

A imobiliária também utiliza o Foursquare, uma ferramenta que funciona como um geolocalizador em que as pessoas fazem um check in dos lugares onde estão. O interessante dessa mídia social é a possibilidade das tips, uma espécie de comentário ou recomendação de um amigo da sua rede sobre determinado local onde foi realizado check in.

Esse relacionamento construído por meio das mídias sociais gera confiança e credibilidade. E a consequência disso, possivelmente, será a aquisição de um produto de uma empresa que está atenta às necessidades dos clientes. Por isso, a consultoria de um profissional qualificado é fundamental para o sucesso da utilização das mídias sociais no mercado imobiliário.

Nesse cenário não há espaço para amadorismo e nem para “achismos”. É necessário ter investimento, conhecimento do funcionamento das mídias sociais, da dinâmica do mercado e principalmente do perfil do seu público de interesse.

E você, conhece mais alguma empresa no setor imobiliário que utiliza mídia social como estratégia de relacionamento? Deixe seu comentário e vamos começar um debate, o que acha?

A imagem utilizada como destaque nesse post é referente do site http://referralgivers.com/uncategorized/social-media-for-your-business/

Esse conteúdo é publicado sob a licença Attribution-Noncommercial-No Derivative Works 3.0 Unported.

15 comments
  1. Olá Raphael, tudo bom? Obrigado pela sua visita no GuilhermeMachado.com e pelo seu feedback. Sinta-se sempre à vontade para compartilhar os artigos e sua opinião sobre o conteúdo.

  2. Acredito muito neste tipo de estratégia, em pesquisa feita pelos americanos, 70% do tempo deles na internet é passado no Facebook. No Brasil acho que é a mesma coisa e o facebook, após alterar a maneira de “vender” sua publicidade de Banner para a atual plataforma, só traz para os usuários o tipo de mídia que interessa ao usuário, fazendo com que aquele conteúdo se torne muito mais relevante para cada um. Quem curte a fan page de uma construtora ou de uma imobiliária, só o faz por querer absorver conteúdo de lá e com isso permite com que seus amigos vejam e também curtam, gerando assim cada vez mais exposição para o “produto” ofertado

  3. Essa é a visão Rigo. Utilizar os vários canais das mídias sociais para construir relacionamentos. Obrigado pela sua visita e comentário. Esse espaço é exatamente para criar debates sobre os vários assuntos que no nosso dia-a-dia podem fazer total diferença se bem utilizados e entendidos.
    Abraços

  4. Olá! Gostei do artigo, porém, a legibilidade do artigo está muito ruim! Sugiro que troquem o fundo, com esses rabiscados ou tipologia.
    Abraços!

    1. Olá Carolina, tudo bem?

      Obrigado pela sua visita ao Blog.

      Em relação ao seu feedback, nossa equipe irá analisar junto ao responsável.
      Sinta-se sempre à vontade para compartilhar sua opinião sobre os posts e também sobre a parte visual do blog. Será um prazer!

      A ideia desse espaço é exatamente essa: troca de conteúdo, análises e discussões sobre o assunto em questão.

      Abraços

    1. Olá Arezzo, agradeço seu envolvimento em nosso blog.
      Saiba que poder compartilhar nossas experiências e aprendizados é muito bom.

      Sinta-se à vontade para fazer o mesmo. Sugerir pautas, temas e vivências.
      Lembre-se: Juntos somos fortes!

      Abraços.

  5. Tenho lido as suas matérias, que são assuntos muito interessantes, que venha te abençoando em dobro, trazendo mais e mais sabedoria sobre a sua vida.

    Um forte abraço

    1. Olá Daniel,

      Receber esta vibração tão positiva e repleta de desejos de bons sentimentos me deixa lisonjeado e até emocionado. Começamos um trabalho há cerca de um ano e nesse pouco tempo temos tido a oportunidade de conhecer tantas histórias, boas e outras nem tanto, de vários corretores espalhadas pelo país e isto nos motiva a melhorar cada vez mais.

      Esta troca de experiências tem contribuído de forma efetiva para meu crescimento profissional e pessoal. Por isso, agradeço imensamente a confiança em nosso trabalho e o seu envolvimento em nosso blog.

      Um forte abraço. Juntos somos fortes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.


7 − = nulo

Related Posts