Brasileiros que estiverem na Europa conseguirão sacar o FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) sem ter de voltar ao Brasil. A Caixa estendeu o serviço de saque especial no exterior para cinco países do continente.

As primeiras cidades onde o sistema estará disponível são: Bruxelas (Bélgica), Paris (França), Londres (Reino Unido), Roterdã (Holanda) e Dublin (Irlanda). O trabalhador deve procurar os consulados-gerais do Brasil e, em Dublin, o setor consular da embaixada brasileira.

O serviço, oferecido em conjunto com o Ministério das Relações Exteriores e o Ministério do Trabalho e Emprego, já existe no Japão desde 2010 e nos EUA desde 2011. Mais de 2.000 pagamentos já foram realizados, com a liberação de R$ 12 milhões.

Segundo o vice-presidente de Fundos de Governo e Loterias da Caixa, Fabio Cleto, a ampliação do serviço para a Europa se deveu “ao sucesso obtido no Japão e EUA”. Outros países devem receber o serviço futuramente.

O valor será creditado na conta de um banco brasileiro de titularidade do trabalhador. Mais informações podem ser obtidas aqui.

Já curtiu a nossa página fã? >> FB/guilhermemachado.blog Acompanhe todas as novidades sobre o mercado imobiliário, empreendedorismo e inovação.

O conteúdo original desse post foi publicado no site Folha.com.

Esse conteúdo é publicado sob a licença Attribution-Noncommercial-No Derivative Works 3.0 Unported.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.


− cinco = 1

Related Posts