Começo o post de hoje agradecendo aos inúmeros comentários e sugestões de temas para a Websérie “Quero ser um corretor de imóveis”. Por meio desta interação, aumenta cada vez mais a nossa certeza de que continua crescente o interesse de diferentes profissionais em investir no mercado imobiliário e como a área ainda desperta muitas dúvidas.

E o tema da nossa conversa é justamente fruto dos questionamentos dos nossos leitores. E olha que engraçado, na última semana recebi vários comentários com a mesma pergunta: preciso de carro para ser um corretor de imóveis?

Você, o que acha disto? Não deixe de comentar no final do nosso post! Sua opinião é importante e pode ajudar a muitos profissionais que neste momento fazem esta pergunta.

Sendo assim, o que sempre respondo é o seguinte: ter um automóvel certamente é um grande facilitador para o corretor de imóveis, mas não é condição primordial para o exercício da função. Eu mesmo, quando comecei a trabalhar como corretor, não tinha carro e isto não impediu a minha evolução, ao contrário, me motivou a comprometer-me mais com a profissão para que a compra do carro se configurasse como uma meta a ser conquistada em curto prazo.

Mas antes de adquirir o meu automóvel, cheguei muitas vezes a fazer parceria com outro colega de trabalho e, assim, saíamos eu e o corretor dono do carro em parceria de venda. Neste caso, é importante procurar um profissional com quem se identifique. Em outras situações, marcava com o cliente de encontrá-lo diretamente no imóvel ou na empresa e de lá ia de carona com ele.

Estas são ocasiões ideais? Não, não são! Contudo, trabalhamos em um mundo completamente real no qual devemos saber nos adaptar às  diferentes realidades. Diante disso, independente de ter ou não o carro, entra em cena um poderoso, e aí sim, vital elemento para o nosso sucesso: o relacionamento que criamos com as pessoas que estão em nosso dia a dia!

corretor-imoveis-relacionamento-equipeÉ somente por meio de um relacionamento franco e sincero que um colega de trabalho, por exemplo, terá a confiança necessária para fazer uma parceria com você. É por meio, ainda, de um relacionamento transparente que o seu cliente irá perceber a sua intenção em prestar o melhor atendimento e não se importará em lhe dar uma carona ou lhe encontrar direto no imóvel.

Caso seja questionado sobre os motivos de estar recorrendo a estas estratégias, não invente histórias dizendo que o seu carro está na oficina, que precisou emprestar a um familiar ou que está no lava-jato. Diga a verdade, explique que você ainda não tem um automóvel, mas que está trabalhando firme para que este objetivo seja alcançado o mais rápido possível.

Todavia, demonstre esta meta não apenas com palavras, mas com atitudes concretas. Dedique-se a ser o melhor corretor de imóveis que o mercado imobiliário pode ter. Planeje-se, estude o seu mercado, conheça os imóveis disponíveis em seu banco de dados, mesmo que a unidade não seja a que está sendo negociada no momento.

Empenhe-se também em entender o seu cliente, ele é a peça fundamental para a conquista das suas metas, portanto fique atento às relações que você vem construindo. Quais marcas e impressões você tem deixado, já pensou nisso?

Acredito que INFORMAÇÃO gera conhecimento, CONHECIMENTO gera estratégia, ESTRATÉGIA gera RELACIONAMENTO e relacionamento gera VENDA. Vamos quebrar as regras. Te espero no topo!

Esse conteúdo é publicado sob a licença Attribution-Noncommercial-No Derivative Works 3.0 Unported.

36 comments
  1. Olá Guilherme, muito interessante sua abordagem. Quando comecei a trabalhar, também não tinha carro e no começo via isso como uma dificuldade. Sempre procurava fazer parcerias com outros corretores, mas me tornava muito dependente e em certos momentos isso não ajudava. Então segui por outro caminho, comecei a trabalhar em um stand de vendas, no local do empreendimento onde a maioria dos clientes iam até mim. No começo, não foi fácil, pois o stand ficava longe e eu tinha que pegar alguns ônibus para chegar. Depois de 06 meses trabalhando dessa forma, consegui comprar meu primeiro carro, zero km. Facilitou bastante minha vida!! Segue minha dica para quem está começando e ainda não tem carro. Abraços.

    1. Olá Jorge,

      Obrigado por compartilhar a sua importante experiência conosco e como superou este desafio. Tenha certeza que a sua vivência poderá ajudar a muitos profissionais que hoje passam também por este momento.

      Juntos somos fortes!!!

  2. Parabens !! Como sempre me surpreendes muito ,sucesso da parte de DEUS !!!
    Eu tambem não tinha carro e muito menos moto,mas isso não me impediu de chegar até onde estou hoje pelo contrario tambem me motivou bastante,não sou corretor de imoveis mas sou EXECUTIVO DE MMN…
    Sucesso mais uma vez a todos !!!
    (Não desista e não pare de crer os sonhos de DEUS já mais vão morrer !)

    1. Olá Márcio,

      Obrigado por tão importante feedback. É esta obstinação que nos leva ao sucesso. Não nos acomodar diante das dificuldades é uma das principais armas de corretor campeão.

      Vamos quebras as regras.

  3. Olá Guilherme,

    Muito interessante o tema. Eu também me encaixo nessa parte que não tem carro. Estou a pouco tempo na profissão e sou muito jovem ainda. Mas na empresa onde trabalho, tenho oportunidade de ir com meus colegas nos clientes. Mas como toda pessoa, tenho meus objetivos, e um deles é adquirir meu carro. Até pra facilitar bastante, inclusive soube, que tem imobiliárias que não aceitam corretores que não tenham carro. Pois bem, um passo de cada vez, estou me empenhando em aprender bem a profissão, e com certeza espero comprar meu carro logo. Grande abraço Guilherme.

    1. É isso aí Edson, um passo de cada vez tendo a convicção de onde se quer chegar e a consciência das estratégias para alcançar os nossos objetivos.

      São estas atitudes que transformaram um corretor mediano em um corretor de sucesso.

      Juntos somos fortes!!!

  4. considero o carro para o corretor uma das ferramentas mais importante, já imaginou o cliente pedindo para o corretor passar em algum lugar e pega-lo para a visita a um imóvel? O corretor não tem carro, vai dizer o que para o cliente?

    1. Cesar,

      Como dito no texto, o carro é importante, mas ausência deste benefício não pode impedir a evolução do corretor. A sinceridade nesta hora é a melhor solução. Não adianta inventar história, conte a verdade para o cliente e demonstre o seu real interesse em fazer o melhor. Tenha a certeza de que o cliente não se importará com o fato do corretor não ter carro se for construído um relacionamento sincero e transparente. Eis o nosso desafio.

      Vamos quebrar as regras!!!

  5. Muito bom este artigo! Trabalho desde janeiro sem carro. É bem difícil, muito difícil, mas é possível de se oferecer um bom atendimento apesar da falta do carro. Como corretora de vendas, 100% dos casos os clientes têm seu próprio veículo. Então, agendo a visita no local do imóvel e muitas vezes vou de ônibus ou de moto-taxi. E daí? O meu bom atendimento compensa esta falta!
    Bons negócios pra todos!

    1. Olá Denise, tudo bem?

      A sua experiência é prova de que desde que tenhamos força de vontade e comprometimento com os nossos objetivos podemos sim sobreviver no mercado imobiliário sem um carro, aonde a compra do veículo deve ser uma meta a ser perseguida com afinco pelo corretor.

      Somos nós que impomos os nossos limites, portanto, vamos quebrar as regras.

  6. Acho todas as dicas e conselhos muito interessantes, pois promovem dentre os profissionais da área de corretagem,a vontade de melhorar a cada dia.
    Gostaria de saber qual o curso mais adequado para me tornar um perito em corretagem.
    Se possível, gostaria que enviasse a resposta para meu email particular.
    Desde já, agradeço a atenção dispensada.

  7. Olá tudo bem Guilherme, gostaria de contar um pouco da minha história, trabalhava na área de Marketing a 32 anos e conversando com um amigo que também da área, que a 5 anos começou na corretagem. Conversamos e ele me convidou para trabalharmos juntos na empresa que atua e diga-se de passagem de grande sucesso, tornando-se gerente de uma equipe de 35 corretores,pois temos muito relacionamento comercial e pessoal e decidi abraçar essa profissão totalmente. Quero perguntar o corretor não necessariamente precisa de automóvel, combina com um colega que possui e vai fazer seu trabalho com parceria. O corretor precisa precisa de notebook?
    Sucesso para todos!!!

    1. Olá Mauricio, tudo bem?

      Um notebook ou computador é uma ferramenta básica de trabalho do corretor, logo, ela é fundamental. Agora, se a sua pergunta diz respeito à necessidade de um notebook no momento da apresentação in loco para o cliente, a resposta vai no mesmo sentido para a questão do carro, ou seja, a utilização desta ferramenta pode garantir alguns diferenciais na apresentação, se usada de forma estratégica, contudo, a sua ausência não pode ser um empecilho para o sucesso do corretor, temos outros ferramentas como o folder que se bem trabalhadas pode fazer uma grande diferença.

      Até falei sobre este assunto aqui no blog: http://iimob.me/d7

      Juntos somos fortes!!!

  8. O carro é um facilitador e na minha opinião gera mais segurança na hora da visita pelo fato de não depender do carro do cliente para uma visita a mais imóveis. Contudo, tenho colegas que nao tem carro e mesmo assim estão sempre batendo suas metas e as superando!

  9. Guilherme ,
    Bom Dia !!
    Acho que o carro é necessario sim ,pois nosso produto final é o cliente , e a ele temos que dar todo conforto e atenção , claro que se não houver por parte do corretor de imoveis um bom atendimento , o carro não ira compensar esta falha, porem o carro sera o complemento desta situação , na maioria dos casos, pois hoje com tantas ofertas no mercado as vezes temos que levar o cliente a outros empreendimentos ,para poder mostrar a ele e o mesmo fazer suas comparações , visto que hoje ,um detalhe , um diferencial são fatores que selam uma venda , e como faze-lo sem carro e naquele momento da visita , naquela hora , as vezes se não fizermos naquele momento , podemos não ter outra oportunidade. Na corretagem como na venda não podemos perder tempo . Gostaria de perguntar a voce Guilherme ,se o projeto de izenção de IPI para corretores esta no congresso para votação , visto que havia escutado isso de um colega , porem não consegui confirmação sobre.
    Abraço

    1. Obs.: fonte da informação sobre o IPI: http://www12.senado.gov.br/noticias/jornal/edicoes/2012/08/28/corretores-de-imoveis-pedem-isencao-de-ipi-para-carros

      Olá Eduardo, tudo bem?

      Obrigado por compartilhar conosco a sua importante reflexão e por ajudar a enriquecer a nossa interação com o mercado imobiliário.
      Sobre a isenção do IPI para corretores de imóveis, este é um assunto que ainda está sem definição no congresso nacional. No ano passado, durante sessão especial no Senado pelos 50 anos da regulamentação da profissão foram apresentadas algumas reivindicações dos corretores aos parlamentares, em especial a isenção do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) para os automóveis adquiridos pelos profissionais. Porém, nada de concreto ainda foi definido. É necessário um maior empenho da categoria nesta cobrança.

      Juntos somos fortes!!!

  10. Muito motivador, sempre.
    Atualmente eu trabalho com a minha moto, o que me facilita demais, pois além das visitas, posso às vezes realizar captações, pois com moto você pode parar em qualquer canto sem problemas, pode ter uma visão melhor dos imóveis na rua e economiza com a gasolina.. O único problema é quando chove. Mas como sou do Rio de Janeiro, aqui quase não chove muito.
    Mas pretendo comprar um carro depois sim.
    Boa sorte para todos e sucesso sempre.

    1. Olá Rômulo,

      Obrigado por compartilhar conosco um pouco da sua experiência.

      Acredito que com empenho, comprometimento e planejamento tão logo você conseguirá alcançar o objetivo de ter o seu carro.

      Sucesso nesta empreitada.

      Juntos somos fortes!!!

  11. Guilherme,

    Comecei na corretagem com carro, mas não obtive tantas vendas como aquele corretor que não tem e nem sabe dirigir. É lógico que carro facilita, principalmente quando os plantões são finais de semana que geram mais chamadas e necessita otimizar seu tempo.
    Mas bato na questão em que: O que adianta ter carro, se o corretor não sabe falar bem do seu produto, não sabe responder questões sobre documentação e financiamento? A maioria dos cliente têm carros e para o iniciante ´´e melhor falar a verdade mesmo e pedir carona. E caso o cliente não tenha , saiba planejar os horários em tempos bem espaçados para irem a vários imoveis num dia. Consequentemente, com este planejamento e estudo vc logo vai conseguir comprar seu carro. E ainda falo mais, corretor depende de venda e não tem salário, precisar saber quando usar seu carro para que não fique no vermelho e sem vendas concretizadas no mês.

    1. Olá Luis Fernando,

      Excelente o seu comentário.

      Não é o carro que fará o principal diferencial do corretor, mas sim os seus comportamentos e atitudes.

      Obrigado por compartilhar conosco a sua importante opinião.

      Juntos somos fortes!!!

  12. Olha Guilherme Machado e leitores, comecei atuar à pouco tempo, percebi que o carro é uma ferramenta de trabalho importante, já precisei ir para algumas convenções de vendas, reuniões e me deslocar entre produtos, o carro facilitou bastante a execução destas atividades. Também já ajudei outros corretores dando carona para eventos e visitação de produtos.

    Parlare

    1. Olá Parlare,

      Obrigado por compartilhar conosco um pouco da sua vivência. Continue interagindo conosco, sua participação é fundamental para o nosso blog e, consequentemente, para o fortalecimento do nosso mercado.

      Juntos somos fortes!!!

  13. Olá Guilherme Machado!
    Me chamo Luis e tenho 17 anos. A ambição, a intuição e o encantamento pelo mercado da corretagem imobiliaria me fez dar muita atenção a essa area. Conheço alguns corretores e admiro essa área desde o ano passado. Por incrivel que pareça não veio de familia essa vontade e interesse pessoal no ramo, contudo espero ansiosamente completar 18 anos pois no outro dia já irei me matricular no curso e portanto ingressar nesse “mar”. Seu site está me ajudando muito a entender muitas coisas e esta me preparando para a profissão antes mesmo de eu obter o CRECI. Continue com seu ótimo trabalho.

    Abraços.

    1. Olá Luis,

      Obrigado pela confiança em nosso trabalho e por compartilhar conosco um pouco dos seus projetos. Desejo muito sucesso nesta nova empreitada. Pode contar sempre com a nossa equipe e com o nosso blog, pois queremos promover cada vez mais um espaço de interação e evolução para os profissionais do mercado imobiliário.

      Juntos somos fortes!!!

  14. Parabéns pelas suas palavras e motivações para quem está entrando neste mercado de trabalho.
    Eu estou começando agora, fazendo o curso de TTI e estava com isso em minha mente, pois não possuo carro, mas o seu texto mostra que isso é apenas um detalhe a ser superado e conquistado.

    Abraços.

    1. Olá Luciana,tudo bem?

      É muito bom saber que a nossa experiência tem contribuído de forma efetiva para novas reflexões dos profissionais do mercado imobiliário.

      Agora é comprometer-se com os seus objetivos, estar atento aos detalhes e consolidar sua caminhada para o sucesso. E nesta trajetória, tenha a certeza de que poderá sempre contar com o nosso blog.

      Agradeço a sua participação e importante feedback.
      Juntos somos fortes!!!

  15. Gostaria da opinião dos colegas, eu tenho vontade de seguir essa carreira, mas morro de medo de dirigir, existe alguma imobiliária que contrate sem essa exigência? Eu não consigo me imaginar pegando uma “marginal” conversando feliz com o cliente, pois morro de medo…rsr. O que fazer?

    1. Olá Débora, tudo bem?

      Existem sim imobiliárias onde o carro não é uma exigência, pois como dito em nosso artigo, o fato de não ter um automóvel não pode ser um impeditivo para a sua inserção no setor imobiliário.

      Todavia, este é um recurso que auxilia muito no trabalho do corretor, portanto, é importante que você procure por acompanhamento profissional que lhe ajude a superar este medo.

      Juntos somos fortes!!!

  16. Olá Guilherme, suas palavras são esclarecedoras.
    Eu sempre trabalhei na área da tecnologia, mês passado foi desligado do emprego e um amigo corretor sempre me disse para entrar nesse ramo, confesso que sempre tive o pé um pouco atrás, só por curiosidade eu enviei meu currículo para algumas imobiliárias e para minha surpresa várias delas me retornaram me oferecendo a oportunidade de atuar como corretor sem ter experiência.
    As corretoras fazem isso por falta de mão de obra, ou quanto mais corretores trabalhando pra ela melhor?
    Eu agendei uma entrevista para amanha, você acha que o momento é bom para iniciar a carreira de corretor de imóveis?

    1. Leandro,

      Obrigado por compartilhar conosco um pouco da sua história. É sempre muito enriquecedor conhecer as práticas de outros profissionais.
      Cada empresa tem uma política de trabalho e parceria com o corretor. Portanto, seria imprudente te dar uma resposta definitiva sobre esta questão da “contratação” de corretores não capacitados.
      Porém, o que posso lhe dizer é que o mercado imobiliário pode ser sim um excelente segmento de trabalho. Mas antes da tomada de qualquer decisão é preciso conhecer este setor, com suas oportunidades e também seus desafios, bem como fazer uma análise do seu projeto de vida. São estes fatores que lhe garantirão uma decisão mais segura e o engajamento necessário para o sucesso no setor, afinal, apenas você terá condições de dizer se vale a pena ou não investir na carreira.

      Ser corretor de imóveis é apaixonante, mas também é um grande desafio. E para entender um pouco melhor este universo e ajudá-lo neste processo de reflexão, compartilho alguns posts.

      Quero ser corretor de imóveis: o que fazer? – http://iimob.me/4yw

      Quero ser corretor de imóveis: é uma boa opção investir na carreira? – http://iimob.me/55g

      Quero ser corretor de imóveis: quanto vou ganhar? – http://iimob.me/57k

      Quero ser um corretor de imóveis: qual é o principal desafio? – http://iimob.me/5wx

      Seja bem vindo à profissão corretor de imóveis – http://iimob.me/1c

      Quero ser corretor de imóveis: quanto tempo demora a primeira venda? – http://iimob.me/6j1

      Em nosso blog há uma série de outras reflexões e dicas sobre o universo da corretagem e o convido a mergulhar nestes artigos. Agradeço o seu contato e pela confiança em nosso trabalho.

      Juntos somos fortes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.


× 3 = dezoito

Related Posts