Corretor de imóveis, responda rápido: você é apaixonado pelo que faz? Você conseguiu responder com tranquilidade ou precisou refletir um pouco mais? Tenha a certeza de que a sua resposta está diretamente ligada à qualidade e à felicidade conquistadas com o seu trabalho.

Se existisse uma fórmula para o sucesso, ousaria dizer que o principal ingrediente desta receita seria a Paixão. Para além de clichês, acredito, verdadeiramente, que é a paixão pelo que faço que me estimula e me provoca a dar sempre o meu melhor.

Mas hoje não estou aqui para dar receitas, nem tão pouco falar de normas ou procedimentos rígidos para alcançar o sucesso profissional e sim para compartilhar com vocês um pouco do que eu vivo e do que tem dado certo em minha trajetória.

Quem me acompanha já percebeu que a palavra “relacionamento” é questão de ordem em minhas práticas e assume um significado muito especial na forma como conduzo minha vida profissional. Creio, fielmente, que é a relação constituída com as pessoas que vai me tornar eterno na transferência dos meus serviços, seja enquanto corretor de imóveis, gestor de negócio ou como consultor imobiliário.

E a importância que dou à construção de relacionamentos, eu também entendo como paixão. A paixão de conhecer novas pessoas, a paixão de poder proporcionar felicidade àqueles que confiam a mim a oportunidade de orientá-los em seu segmento profissional, em suas expectativas e sonhos.

É a paixão que me provoca todo dia a ser mais criativo, a enxergar os desafios como novas possibilidades de conquistas e superação. Por certo período da minha vida coloquei os valores financeiros e materiais como meta principal e confesso que tive resultados felizes e favoráveis.

Mas com o decorrer do tempo, a realização financeira já não me bastava mais. É muito fácil perceber quando a paixão pelo que fazemos não é o nosso principal foco, passamos a ser pessoas mais frias, o sorriso já não é mais espontâneo e sincero, sobram reclamações e frustrações.

É aí que a experiência nos mostra que quando estamos apaixonados pelo nosso trabalho podemos atingir voos mais altos, pois alcançamos o equilíbrio necessário para ouvir mais as pessoas, para nos relacionarmos de forma mais intensa e pura e, principalmente, para nos comprometermos mais com o trabalho e no engajamento com resultados.

E quando digo nos comprometermos com o trabalho, não quero dizer que o corretor de imóveis deve passar o dia inteiro trabalhando e preocupado em vender a todo custo, muito pelo contrário. Significa encontrar o engajamento necessário ao ponto de não se sentir pressionado, insatisfeito, desgastado ou infeliz.

É importante ressaltar que a felicidade e a paixão pelo que a gente faz são contagiantes. As nossas relações melhoram de forma plena, o sorriso fica estampado no rosto de forma natural, somos mais suscetíveis a nos entregarmos intensamente, ficamos mais amáveis e passamos a ser profissionais desejáveis.

Repare que quando estamos apaixonados no sentido dos relacionamentos amorosos, os nossos amigos logo percebem que tem um clima diferente no ar e a vida nesse momento parece não ter nenhum problema, pois estamos vivendo um momento de intensa felicidade e isso se reflete na forma como nos relacionamos com quem está ao nosso redor.

Agora, transfira essa percepção para o relacionamento profissional. Imagine como o seu o cliente se sentirá ao ser atendido por um corretor de imóveis que é apaixonado pela função que desempenha e que sente prazer em estar se relacionando com as pessoas.

Já abordei no artigo do Corretor 360° sobre a importância do equilíbrio entre seis saúdes fundamentais do ser humano: a financeira, a familiar, a física, a social, a intelectual e a ecológica. Entendo essas seis saúdes como pilares para que a paixão seja plenamente vivida.

A sintonia entre essas seis saúdes impulsionada pela paixão é o que me permite sonhar, mas sonhar com os olhos abertos e pés no chão, pois tenho a certeza de onde quero chegar e do que desejo alcançar.

A paixão pelo trabalho que realizo no segmento imobiliário é o que me faz sair de casa toda manhã com a convicção de levar o meu melhor para os meus clientes. E pergunto a você, colega corretor de imóveis, como não ter sucesso quando fazemos algo com paixão? Como não ter sucesso quando nos entregamos por completo e dedicamos nosso empenho e engajamento àquilo que nos propusemos a fazer? Não tem como. Você concorda?

Posso afirmar, sem nenhum medo de errar, que as pessoas que são referências em nossa vida, seja no âmbito profissional ou pessoal, são sucesso no que fazem e por isso são exemplos, fundamentalmente, porque amam aquilo que fazem porque fazem por prazer e não por ser a última ou única opção.

Portanto, corretor de imóveis, seja apaixonado por aquilo que você faz, engaje-se nesta profissão que em 2012 completará 50 anos de existência. É importante compreender, contudo, que a paixão não nasce simplesmente de uma vontade. Assim como na vida conjugal, é necessário estar aberto para se apaixonar.

Doe-se por inteiro, deixe-se envolver pelo mercado imobiliário e envolva-se com este segmento. Eu lhe garanto por experiência própria que o sucesso é consequência da sua paixão vivida em plenitude e demonstrada em suas atitudes, no seu comportamento diário.

Eu sou completamente apaixonado pelo mercado imobiliário, eu sou um profissional do mercado e não estou (provisoriamente) nesse segmento. Estar apaixonado é fazer o seu trabalho valer a pena. É buscar resultados financeiros, mas é saber ir além e conquistar admiradores por meio dos relacionamentos constituídos.

Ser um corretor de imóveis apaixonado é ter a convicção de que estarei eternizado no sorriso e nas realizações das pessoas que nos dão a oportunidade de gerir sua vida financeira, profissional, familiar e social por meio da intermediação imobiliária que concretiza os mais diferentes sonhos e ambições.

E agora, corretor de imóveis, já é capaz de responder rápido se você é apaixonado pelo que faz? Compartilhe conosco a sua opinião e apaixone-se diariamente pela sua profissão.

Já curtiu a nossa página fã? >> FB/guilhermemachado.blog Acompanhe todas as novidades sobre o mercado imobiliário, empreendedorismo e inovação.

Esse conteúdo é publicado sob a licença Attribution-Noncommercial-No Derivative Works 3.0 Unported.

14 comments
  1. Concordo plenamente, Guilherme. Desde que assumi esta profissão, não me vejo atuando em outro segmento. É muito bom lidar com pessoas novas todos os dias, entender um pouquinho das suas vidas e participar das suas conquistas. Corretora, com orgulho. disse:

    Sua mensagem…

    1. É isso aí. A paixão pelo que fazemos é traduzido em atitudes espontâneas e sinceras. Muitos chamam isso de trabalho, e nós, apaixonados, chamamos isso de prazer.
      Obrigado pela visita ao nosso blog e pelo seu envolvimento.

  2. Que texto maravilhoso e motivador!! Não atuo no mercado imobiliário, mas acredito fielmente nas ideias e propostas nele apresentadas. Achei muito importante a parte que trata sobre a relevância do EQUILÍBRIO entre as seis saúdes fundamentais do ser humano. Identificar nossas potencialidades e transformá-las em paixão não é tarefa fácil em um mundo cada vez mais competitivo e materialista. Tornar o nosso dia a dia mais rentável está diretamente relacionado em fazer aquilo que nos torna mais humanos para, com isso, nos tornarmos mais eficientes. Parabéns!!!

  3. Olá Giuliano, que comentário positivo. Suas palavras reforçam que estamos caminhando no sentido certo. Ser eficiente está diretamente ligado ao seu envolvimento naquilo que faz. Para isso, a paixão no fazer é essencial.

    Obrigado pela visita e envolvimento.

    Abraços.

  4. Boa noite

    Guilherme Machado, prazer em conhecer colegas de trabalho assim como você, sou nova neste ramo, mas a cada negócio ganho uma boa e nova experiência e a oportunidade de ter um cliente amigo, aquele que fará a minha a melhor propaganda…
    Conheci também um lado nada interessante da nossa profissão, mas que existe em muitas outras profissões; o mal profissional, o espertinho,…

    Bom, foi um grande prazer encontrar um amante da profissão, quem respeita e ouvi as necessidades de seus “clientes” ou melhor parceiros.
    FELICIDADES!!!

    OBS.: Ah! Concordo contigo em gênero, número e grau. Seu artigo foi de encontro ao que eu pensava e sentia.

    Sucessos.

    Zaira Correa.

    1. Olá Zaira, tudo bem? Seja bem-vinda a essa apaixonante profissão chamada “Corretor de Imóveis”. Fico feliz de saber que apesar do pouco tempo na área já entende que nosso maior objetivo é o relacionamento, a amizade com as pessoas que nos dão a oportunidade de gerenciar seus desejos e suas realizações.

      É assim que eu visualizo. O imóvel é muito mais que uma compra, é a realização de um sonho. Ter a oportunidade de participar desse processo, é sem dúvidas, um momento de muito orgulho.

      E como você ilustrou muito bem, como em qualquer profissão existem pessoas que não praticam a sua essência. Mas isso jamais irá nos tirar de nossos objetivos e crenças.

      Agradeço sua participação e envolvimento. Sinta-se sempre à vontade para interagir conosco. Esse é o nosso espaço.

      Sucesso sempre.

    1. Olá Viviane, obrigado pela visita ao nosso blog. É importante que leve em consideração que a profissão de corretor de imóveis é apaixonante, mas como em qualquer outra ela está repleta de desafios. Sua vontade de entrar no mercado tem de ser bem concreta para empregar o seu melhor e superar os desafios. Mas uma coisa é certa: Terá momentos únicos e de grandes realizações
      Faça uma análise nas imobiliárias da sua região, agende visitas, conheça a que mais se encaixa no seu perfil de trabalho, evitando dessa forma frustrações desnecessárias.
      Seja bem vinda a profissão e ao mercado.

  5. Guilherme;
    boa tarde!

    Eutambém sou apaixonada pela minha profissão. As suas dicas, a sua experiência tem sido de grande ajuda para a minha vida profissional e automaticamente a pessoal.
    Te admiro muito como profissional e cada vez essa admiração tem aumentado.
    Não perco nem um dos seus artigos e estou correndo atraz para que você venha falar pessoalmente para os meus colegas corretores.
    Um grande abraço! Sucesso cada vez mais.

    1. Olá Dilcéia, agradeço sinceramente suas palavras e saiba que são para mim de grande estímulo.

      Fico sinceramente contente em poder compartilhar minhas experiências e saber que elas podem, de alguma forma, contribuir com a evolução do profissional.

      Bom saber que nos acompanha em nossos textos e podcasts.

      Breve lançaremos nosso videocast.

      Sucesso!!!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.


1 + cinco =

Related Posts