Corretor de Imóveis no Instagram: Perfil pessoal ou profissional? Saiba qual deles é melhor para alavancar suas vendas

guilhermemachado-post-instagram

Segundo levantamento feito pelo Hootsuite e We Are Social, o brasileiro é um dos campeões em tempo na internet, passando 9 horas e 14 minutos por dia navegando. Isso deixa claro que as redes são uma mina de ouro quando o assunto é vender.

Uma das redes que mais crescem, atualmente, é o Instagram. E o uso dele vem acompanhado de uma dúvida recorrente entre os corretores: a conta deve ser pessoal ou profissional?

A resposta é: depende de como você quer ser visto.

Mais do que um aplicativo para publicação de fotos na praia ou com a família, o Instagram tem grande poder de conversão, por isso, a minha dica é: Se você quer ser autoridade no seu segmento invista em um perfil profissional.

É preciso lembrar que as redes sociais tem foco no relacionamento e nas interações. Ou seja, não adianta ficar o tempo todo falando do seu produto ou pedindo que as pessoas comprem de você.

Se você fizer isso, vai acabar se tornando inconveniente e chato para os seguidores, vai causar antipatia e obter um resultado reverso, onde as pessoas vão fugir de você. Para evitar que isso ocorra, o segredo é ser ÚTIL. 

COMO ALCANÇAR VISIBILIDADE NO INSTAGRAM

1- Seja especialista

Mostre ao público que você é especialista no assunto que está abordando. O seu objetivo é fazer com que as pessoas lembrem de você e pensem: ‘ele sabe do que está falando’. Gere conteúdo de qualidade e que seja de interesse do seu público.

Você pode dar dicas de como resolver um problema, contar uma curiosidade, abordar as novidades do mercado (que envolve o seu produto) e focar em assuntos que chamem atenção dos seus seguidores. Dessa forma você vai gerar autoridade e mostrar que é referência naquilo.

‘Mas, Guilherme, se eu fizer um conteúdo que resolva o problema do cliente, ele não vai me contratar.’ Engano seu. Quanto mais os seguidores/possíveis clientes perceberem que você tem domínio no assunto, mais elas vão ter interesse em te procurar.

A sua preocupação deve estar em ajudar, educar e auxiliar o seu público. Outra forma poderosa de atrair olhares é ter um feed bonito, por isso…

2- Faça boas fotos

O seu cliente é visual, então aposte em imagens que chamem atenção. Não estou falando de fotos aleatórias, mas imagens que ‘conversem’ com o seu público e com o mundo dele. E sobre as fotos, tenho mais algumas dicas para você. Veja:

Use bons filtros

O aplicativo do Instagram disponibiliza diversos filtros que deixam as fotos mais atrativas. Ao usar o filtro adequado você pode aumentar a qualidade e adicionar originalidade às suas imagens. Melhore o visual do seu feed e atraia o olhar das pessoas.

Luz Natural

Se for possível aposte na luz natural, ela dá leveza às fotos e também permite que você contraste com a sombra. Se não for o seu caso, a iluminação artificial pode ser um bom recurso. Seja criativo na hora de escolher um ângulo. E por falar nele…

Cuidado com o ângulo

O ângulo é importante porque direciona o olhar do espectador, valorizando os atributos da pessoa ou do objeto fotografado. Não tenha medo de tentar, o erro leva a perfeição.

Você também pode usar vídeos para gerar credibilidade. Mostrar as pessoas falando de você é uma ‘prova’ de que você trabalha com seriedade e competência. Por isso…

3- Invista em vídeos

Antes de tudo, você precisa entender que o vídeo não deve ser feito para vender alguma coisa, mas para criar uma expectativa em quem estiver assistindo. Através dele, você consegue causar experiência no cliente e, se essa experiência for positiva, a chance que ele tem de procurar você é muito maior.

Outro ponto positivo do vídeo é que você consegue causar uma proximidade maior com o seu público. Se você tem medo de falar para câmera, aí vai mais algumas dicas:

Fale de algo que domina

Assim como nas postagens de texto, o vídeo segue a mesma regra. Você não precisa ‘passear’ por coisas que você acha importante falar, mas novamente focar naquilo que você domina. Se você falar de um assunto que ainda não se sente seguro, isso vai transparecer na sua gravação. Portanto, tenha conhecimento do assunto abordado.

Crie um roteiro

A minha dica é que você pegue uma folha e pontue os assuntos que não podem faltar no seu vídeo. Dessa forma, você vai gravar com mais tranquilidade, porque vai estar ciente que não vai se esquecer de nada. O roteiro vai te deixar mais centrado e vai te ajudar passar autoridade para o público.

Ensaie MUITO

Quanto mais vezes você repassar o texto, mais natural o seu vídeo vai ficar. Por isso, treine na frente do espelho, com um amigo, com o seu pet, no chuveiro… Ensaiar é um caminho para você ficar mais à vontade na frente das câmeras.

Crie um personagem

Calma! Não estou dizendo para você ser outra pessoa. É só para criar um personagem mentalmente. Exemplo: Se você, Maria, tem medo de gravar vídeos, quando for gravar, ‘se vista’ de Ana. Vai te ajudar a quebrar o medo, melhorar a atuação e fazer bons vídeos.

Por fim, as minhas últimas dicas para o Instagram é apostar as hashtags e ter uma CTA – Call to Action, ou chamada para ação. Temos um conteúdo aqui no blog que fala mais dessas estratégias. Clique no link abaixo e acesse o nosso conteúdo.

Marketing por conteúdo na prática: Usando o Instagram para vender mais.

E se você quiser saber mais sobre como usar a tecnologia ao seu favor, aumentar os seus leads, faturar mais e ser referência não só no Instagram, mas no seu mercado de atuação como um todo,  eu tenho uma Imersão que te ensina passo a passo a reestruturar os seus processos para ter recorrência e escalabilidade nas vendas. Clique aqui e saiba mais.

This content is published under the Attribution-Noncommercial-No Derivative Works 3.0 Unported license.

Comments

comments

SOBRE O AUTOR

Guilherme Machado Corretor de Imóveis, Palestrante, Coach, Mestrando em Neuromarketing pela FCU - Florida Christian University/EUA. Especialista em vendas, liderança e negociação com certificação pela University of Michigan/EUA. Com mais de 18 anos de vendas, já transformou mais de 1,5 milhões de profissionais no Brasil com seus cursos, vídeos e palestras.

Deixe seu comentário!