Se você está pagando as prestações da casa própria e, por algum motivo, se viu com o cinto apertado, há chances de aliviar o peso das parcelas. O Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) pode ser usado para reduzir o valor da prestação por um período, e não somente para diminuir o número de parcelas do financiamento.

— A pessoa pega o saldo que tem no fundo e calculamos o valor que pode ser utilizado, dividindo o total por 12 (meses). Daí, abatemos esse valor da prestação atual — explica o gerente regional da Construção Civil da Caixa Econômica Federal no Rio, Renato Silva dos Santos.

Santos explica que o percentual máximo que pode ser abatido das parcelas com os recursos do FGTS é de 80%, mesmo que a pessoa tenha saldo suficiente para pagá-las na íntegra. Ele adverte que, caso o mutuário não tenha esse percentual disponível, mas esteja trabalhando com carteira assinada — e, consequentemente, acumulando mais recursos no fundo —, o dinheiro que entrar após o cálculo não poderá ser usado para completar os 80%. O percentual de abatimento na prestação, neste caso, será proporcional ao valor que ele tinha de saldo até a operação.

Há, ainda, a possibilidade de usar o fundo para diminuir o número de parcelas, mais utilizada e que encurta o prazo de pagamento, em anos. A melhor opção deve ser analisada caso a caso. Se o mutuário contrata o financiamento e o orçamento está em dia, com sobra de recursos, diminuir o número de parcelas é uma boa opção. Se ele passa por uma dificuldade e precisa diminuir os gastos mensais de imediato para não ficar no vermelho, a redução do valor da parcela pode ser a melhor alternativa.

— O sistema faz a simulação para mostrar qual a melhor escolha — afirma o gerente regional.

—-

Post originalmente publicado em Extra Globo.

Esse conteúdo é publicado sob a licença Attribution-Noncommercial-No Derivative Works 3.0 Unported.

2 comments
    1. Olá Cesar,

      Muito obrigado por seu envolvimento em nossa reflexão.

      Temos acompanhando atentamente o mercado para sempre compartilharmos notícias relevantes para o dia a dia do corretor de imóveis.

      Juntos somos fortes!!!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.


2 − um =

Related Posts