Escrever esta websérie “Quero ser  corretor de imóveis” tem me proporcionado uma prazerosa e importante imersão na minha história enquanto profissional do mercado imobiliário. Hoje, de uma forma especial, me peguei lembrando o início da minha carreira e é impressionante ver como o setor evoluiu nestes últimos anos.

Mas nesta reflexão, uma constatação me chamou a atenção. Percebi que, mesmo diante de tantas transformações, há uma característica permanente no corretor independente de sua época: a ansiedade de realizar sua primeira venda.

Comigo foi assim também. Ainda no curso de formação eu já mentalizava a minha primeira venda e tudo o que iria fazer com a comissão. Esta ansiedade pode ser positiva se ela nos impulsionar a tomar atitudes conscientes que nos levem a estar sempre vendendo.

Todavia, é necessário saber gerenciar este ímpeto de realizar a primeira venda para que este sentimento não prejudique o nosso atendimento e, consequentemente, o nosso resultado. Diante disso, não demonstrar ansiedade é fundamental. Não nos comunicamos apenas por palavras, o nosso corpo também comunica e os clientes percebem quando estamos ansiosos.

Sendo assim, o corretor deve transmitir  naturalidade em sua ação, pois o cliente precisa se sentir seguro para se “entregar” inteiramente ao atendimento e assim abrir as portas para uma correta identificação do seu perfil de compra, possibilitando ao profissional da intermedição oferecer o imóvel mais compatível com a sua necessidade de forma mais rápida e assertiva.

Portanto, separei algumas dicas que, se adaptadas para a realidade de cada corretor e aplicadas no dia a dia, poderão ajudar a controlar esta ansiedade e contribuir para que o profissional realize a sua primeira venda em um tempo mais compatível com as suas perspectivas.

1. Conheça o imóvel antes de levar o cliente

Em algumas empresas que trabalham com imóveis prontos, é comum que as chaves das unidades fiquem no escritório. Caso isto aconteça no local onde você trabalha, não deixe de conhecer o imóvel antes de levar o seu cliente para a apresentação.

Esta experiência é fundamental para que o novo corretor se familiarize com o imóvel e assim possa apresentar com mais propriedade os benefícios do negócio para o cliente. Faça uma visita de diagnóstico da unidade, tente descobrir atrativos que outros profissionais não destacam, ensaie o seu atendimento dentro do imóvel. Em suma, busque por um diferencial.

Vale ressaltar também que, mesmo para os corretores que trabalham com imóveis em lançamento, o conhecimento profundo das características do empreendimento é vital. Conheço muitos profissionais que trabalham em estandes de venda sem ao menos conhecer detalhadamente o imóvel. Esta dica se aplica em ambos os casos.

2. Acredite sempre na venda

Outra tática que desenvolvi para conquistar novos clientes neste começo no mercado imobiliário foi pedir clientes a outros corretores para eu atender. Porém, quando um colega chega a passar um atendimento para você, na maioria dos casos, é porque ele mesmo já desistiu da venda e não acredita mais na possibilidade de fechar uma negociação.

Assim, agarre esta oportunidade com todo o seu empenho e dê o seu melhor. Acredite no seu potencial e que é possível fechar o negócio.

3. Faça sua rede saber de você

Toda sua rede de contatos precisa saber que você “existe” no mercado imobiliário: familiares, amigos, vizinhos, colegas da antiga profissão, ou seja, todas as pessoas que poderão contribuir para a pulverização da informação de que você é corretor.

corretor-imoveis-construa-sua-redeNo começo da minha carreira não levei esta dica muito a sério e por muitas vezes vi amigos meus no salão de vendas fechando negócio com outro corretor. Quando me encontravam, diziam : “Guilherme, você por aqui, não sabia que estava pensando em comprar um imóvel também”.

E eu, meio que sem jeito, respondia: Não vim comprar um apartamento, eu sou corretor, trabalho aqui agora. E o amigo por sua vez sentenciava – “nossa, acabei de assinar o contrato com outro corretor, se soubesse que você era corretor também, tinha fechado com você”.

E naquele momento a vontade que eu tinha era de me dar uma surra, pois havia perdido uma excelente oportunidade de realizar os meus primeiros atendimentos com clientes com os quais eu já tinha uma maior afinidade, o que, certamente, facilitaria o meu desempenho.

Portanto conte para todo mundo que você é corretor, pois seu primeiro banco de dados deve ser consolidado com sua rede de contato. Além disso, perceba que os amigos são os principais recomendadores do seu trabalho.

Por fim, tenha sempre em mente que a venda é fruto de um processo de envolvimento com o mercado e planejamento. E quando estamos no começo de carreira, estes elementos são ainda mais relevantes.

Alia-se isso, ainda, à necessidade de gerir a nossa ansiedade, que é natural, como abordado no início desta reflexão. O cliente não deve perceber o seu nervosismo, porém se isto foi inevitável e o cliente  questionar se você está chegando ao mercado, não minta, seja sincero.

Demonstre com atitude e conhecimento de mercado que você foi preparado e está capacitado para proporcionar o melhor atendimento bem como para transformar o sonho do cliente em realidade. Lembre-se sempre, o melhor resultado de uma venda não é a sua comissão, mas a satisfação do cliente.

 

———

Leia mais e ENVOLVA-SE:

Esse conteúdo é publicado sob a licença Attribution-Noncommercial-No Derivative Works 3.0 Unported.

25 comments
    1. Olá Alexandre,

      Obrigado por tão importante feedback. Esteja sempre à vontade para interagir conosco.

      Nosso blog está repleto de dicas que poderão ajudá-lo no planejamento de um melhor desenvolvimento da sua carreira. Sinta-se à vontade para pesquisar e mergulhar neste apaixonante mundo do corretor de imóveis.

      Lembre-se sempre a sua participação é fundamental para aprimorarmos cada vez mais este espaço que é nosso.

      Juntos somos fortes!!!

  1. Ótimas dicas Guilherme, amo tudo o que você escreve pois, é muito edificante.
    obrigada por dividir com todos nós suas técnicas e seus conhecimentos.
    maravilhaaaaaaaa!.

    1. Olá Luciana,

      Acredito sinceramente que o conhecimento é algo que quanto mais compartilhamos, mais o temos, pois esta é uma maneira de aprendermos um pouco mais a cada dia. Para mim é uma grande alegria dividir as minhas experiências, e, sobretudo, conhecer as práticas de tantos profissionais do mercado espalhados pelo país.

      Portanto, agradeço a sua participação. Este blog é nosso.

      Juntos somos fortes!!!

    1. Olá Rafael,

      Este é o espírito que deve acompanhar o profissional que almeja o sucesso. Não basta aprender algo novo, é preciso agir e ter uma prática diferenciada.

      Obrigado por seu envolvimento em nossa reflexão. Esteja sempre à vontade para interagir conosco.

      Juntos somos fortes!!!

    1. Olá,

      Obrigado pelo seu importante feedback. Espero que você possa aproveitar ao máximo o conteúdo abordado aqui em nosso blog. Esteja sempre à vontade para interagir conosco e trocar experiência, pois esta partilha de conhecimento e vivência é a nossa maior fonte de aprendizado.

      Quanto à transmissão do curso, tivemos um problema com a nossa rede de internet e em respeito a cada um de vocês que se inscreveu e confiou no nosso trabalho, nós iremos retransmitir o curso no dia 02 de julho, às 19h30. A nova transmissão também ficará disponível na plataforma para os inscritos que não puderem assistir ao vivo.

      Juntos somos fortes!!!

  2. Parabéns Guilherme!!!
    Simples, objetivos e de muito proveito; para eu que estou iniciando minha nova carreira profissional… Sucesso

  3. Parabéns Guilherme!!!ótimas dicas para todos os corretores e aspirantes, eu também tenho prazer em compartilhar meus conhecimentos e experiencias, pois sempre estamos aprendendo novas técnicas.

    1. Olá William, tudo bem?

      Acredito que o conhecimento é uma das poucas coisas na vida que quanto mais a gente compartilha, mais a gente tem. Portanto, compartilhe sem moderação, afinal, este blog é nosso!

      Vamos quebrar as regras.

    1. Olá Edmar,

      Esta expectativa pela primeira venda é muito positiva. Porém, devemos transformar esta empolgação inicial em atitude diferenciada que nos leve a atingir os nossos objetivos de forma mais rápida e assertiva.

      Juntos somos fortes!!!

  4. Boa tarde Guilherme!!
    Estou iniciando na profissão porém ainda tenho dificuldades como capta um imovel de maneira convicente que tal cliente deixando a casa para venda ou locação que venha a se o meu caso (locação) a possibilidade de locação conosco é bem mas facil e mas rapida devido a cartilha de clientes interessado em imovel na região , ainda ainda não descobrir uma maneira de chegar ate ele de maneira clara e objetiva a lingua trava as vezes.
    e obrigado pelas as dicas e exemplos.

  5. Olá, Guilherme!
    Só hoje conheci seu blog e fiquei “apaixonada” querendo ler tudo hoje!!! São tantas dicas, tantas informações preciosas, principalmente pra quem está começando agora! muito obrigada!
    Eu estou cursando o TTI e estagiando em uma imobiliária,e ainda estou na fase de CAPTAR O IMÓVEL, mas estou muito insegura, não sei como fazer, não sei que estratégias são melhores, poderia me dar dicas sobre este assunto?
    Desde já muito obrigada! e com certeza, daqui pra frente vou seguir seu blog, sua fanpage, etc! Um abraço
    M.Ines

    1. Olá Maria Ines, tudo bem?

      Seja bem vinda ao nosso blog e também ao mercado imobiliário. Esteja à vontade para interagir conosco e aproveitar ao máximo as dicas que compartilhamos aqui no blog. Elas são feitas exatamente para contribuir para evolução do corretor e provocar novas atitudes para o mercado imobiliário.

      Sobre as dicas de captação, fizemos um post especialmente para refletir sobre este assunto: http://www.guilhermemachado.com/corretor-de-imoveis-torne-se-o-melhor-captador/

      Espero que este texto possa ajudá-la a quebrar as regras e alcançar excelentes resultados.

      Juntos somos fortes!!!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.


seis − 6 =

Related Posts