Entre o desejo de adquirir um imóvel e a realização de fechar o negócio, muitas vezes a intermediação de um especialista se torna indispensável. Seja para acompanhar o cliente até o fechamento da compra ou apenas para orientá-lo quanto à melhor opção, os corretores de imóveis ou consultores imobiliários cumprem um papel fundamental, há 50 anos, quando foi regulamentada a profissão. Hoje, o mercado hoje exige profissionais qualificados e com dedicação individualizada a cada novo cliente.

Novas e velhas gerações de corretores são unânimes em afirmar que conhecer o perfil do cliente é o primeiro passo para efetivar uma venda. O crescimento do setor de imóveis e a diversidade de opções para compra ou aluguel exigem desse profissional conhecimento amplo de mercado, qualificação e atualização permanente. É papel do corretor se inteirar das novas demandas e dos novos perfis de compradores.

Trindade diz que consultor imobiliário se diferencia pelo tratamento dado ao cliente

Paulo Trindade, 29 anos, corretor da Imobiliária Eduardo Feitosa, diz que o diferencial do consultor imobiliário está na forma de tratamento com o cliente. “O bom relacionamento é o que gera a venda. O perfil de cada cliente deve ser visto de forma bem específica. Os imóveis voltados para um público de solteiros é diferente do que devo oferecer para casais e aposentados, por exemplo.” Paulo é um dos que investe na carreira. Graduado em turismo e administração, atualmente cursa MBA em gestão de pessoas.

Com uma postura mais tradicional sem, no entanto, deixar de reconhecer que o mais importante para um corretor é o cuidado com o cliente, Arlindo Queiroz, 75 anos, autônomo na profissão há mais de 35, se diz envaidecido com a forma que adotou para conquistar o mercado. “Experiência e cursos que complementem a técnica adquirida com o dia a dia fazem a diferença na hora de analisar o perfil do comprador ou investidor. A confiança que se transmite é um ponto que não pode ser deixado de lado. Dessa forma, fiz meu nome no setor”, afirma.

O ofício de corretor surgiu no início do século 20 e foi regulamentado em 1962, no dia 27 de agosto, data em que é comemorado o Dia do Corretor de Imóveis. De acordo com o Conselho Regional de Corretores de Imóveis de Pernambuco (Creci), atualmente são mais de 9 mil corretores registrados no Conselho e, desse número, cerca de 5 mil estão na ativa.

Já curtiu a nossa página fã? >> FB/guilhermemachado.blog Acompanhe todas as novidades sobre o mercado imobiliário, empreendedorismo e inovação.

O conteúdo original desse post foi publicado no site Lugar Certo.

Esse conteúdo é publicado sob a licença Attribution-Noncommercial-No Derivative Works 3.0 Unported.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.


três × 9 =

Related Posts